Textos

o verso da vida é a mesma vida

Douglas Ceccagno
01/09/2015


o verso da vida é a mesma vida:
não buscar enfeites inúteis;
se eu nascesse de novo
compraria os tênis sujos de
minha estrada
não seria burro por fácil
pateta para o gosto alheio
macho para a alegria dos broncos
não seria feliz por contrato
se tudo estivesse bem
eu não estaria

(de “Rábula”)


Cadastre-se no portal Escrita Criativa para receber dicas de escrita, artigos e informações de concursos

 

 

Comentários:

Envie seu comentário

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação:
Repita os caracteres "153706" no campo.